O Programa SELEÇÃO Gastronomia e Vinhos pretende dar a conhecer os locais onde a Gastronomia Portuguesa pode ser saboreada

programa SELEÇÃO Gastronomia e Vinhos

O programa SELEÇÃO Gastronomia e Vinhos surge da vontade em afirmar o Património Gastronómico Português como Produto Turístico, convertendo-o num elemento diferenciador da oferta turística, transformando-o num verdadeiro produto estratégico e competitivo.

Dada a grande relevância que o setor da restauração assume e tendo em consideração o desejo de incrementar a procura turística nas várias regiões, é da maior importância requalificar a oferta existente, a partir de um referencial de qualidade para o setor. A implementação do Programa SELEÇÃO Gastronomia e Vinhos constitui um instrumento determinante na orientação e defesa das expetativas dos consumidores, nomeadamente de todos os turistas e excursionistas que nos visitam, mas também suporta a promoção dos próprios estabelecimentos, ao representar um indicador público, independente, de que os referidos estabelecimentos reúnem condições especiais que os distinguem no conjunto do setor.

A integração dos melhores estabelecimentos de restauração das várias regiões neste Programa será um forte incentivo aos restantes estabelecimentos para que estes promovam uma oferta baseada na melhoria contínua dos seus serviços.

OBJETIVOS DESTA REDE

  • Criar uma Rede Nacional de Restaurantes que sirva de referência para consumidores interessados em autenticidade;
  • Valorizar, dignificar e salvaguardar a Gastronomia regional e nacional;
  • Estimular a procura e o consumo de produtos regionais, tradicionais e qualificados;
  • Potenciar a Economia, a Agricultura e a Cultura nacionais;
  • Valorizar e promover Portugal, como destino turístico, e como país de produtos e serviços de qualidade e excelência.

Vantagens

Ao integrarem o SELEÇÃO Gastronomia e Vinhos os estabelecimentos usufruem das seguintes vantagens:

  • Identificação com o Programa SELEÇÃO Gastronomia e Vinhos através da atribuição de uma placa, que deverá ser colocada num local bem visível do exterior;
  • Direito de utilização da marca SELEÇÃO Gastronomia e Vinhos para promoção e divulgação de iniciativas próprias;
  • Acesso a canais de promoção do Programa;
  • Incorporação nos sites das entidades parceiras, com ligação a outros sites de interesse turístico;
  • Benefícios da notoriedade de pertencer à Rede de Estabelecimentos SELEÇÃO GASTRONOMIA E VINHOS;
  • Estímulo a processos de modernização e implementação de boas práticas;
  • Inserção num conjunto de benefícios e vantagens que gradualmente o Programa assegurará como meio de promoção destes estabelecimentos;
  • Benefícios inerentes ao fato do estabelecimento estar associado a um Programa de promoção da Gastronomia Património Cultural de Portugal.

COMO SE CANDIDATAR?

Se tem um restaurante que serve gastronomia portuguesa, cuja confeção é efetuada no próprio local e que apresenta serviço à mesa, está localizado num dos locais onde estamos a implementar este Programa e quer fazer parte desta Rede, formalize já, sem qualquer custo, a sua adesão através do preenchimento do seguinte Boletim de Inscrição.

Consulte o Regulamento do Programa.

REQUISITOS A CUMPRIR

  • Formação profissional e desempenho dos colaboradores
  • Boas práticas de higiene e segurança alimentar
  • Condições de acessibilidade e de segurança
  • Resíduos e ambiente
  • Listas de produtos, vinhos e ementas
  • Qualidade e origem das matérias-primas
  • Prestação dos seus colaboradores
  • Empratamento e apresentação final
  • Execução culinária
  • Apreciação aromática e degustativa

Como funciona?

A avaliação dos estabelecimentos candidatos é realizada em duas fases distintas e não coincidentes: numa primeira fase realiza-se a auditoria técnica do estabelecimento e numa segunda fase realiza-se a auditoria gastronómica e de serviço

Ambas as avaliações são efetuadas com recurso a Check-List’s desenvolvidas, devidamente validadas e testadas e são realizadas por técnicos qualificados e devidamente formados e contratados para o efeito, de modo a minimizar ao máximo os critérios subjetivos que estão sempre inerentes a este tipo de ações.

Na auditoria técnica são avaliadas as condições de higiene e segurança do estabelecimento, a existência de um sistema de segurança alimentar, a formação profissional dos colaboradores, entre outras.

Apenas os estabelecimentos que cumpram os requisitos da auditoria técnica de validação serão sujeitos à avaliação gastronómica e de serviço, cujo objetivo é verificar a conformidade da técnica culinária e das iguarias confecionadas, assim como a qualidade de serviço. Esta auditoria incluí uma refeição (almoço ou jantar), cujos custos são suportados pelo Responsável pela empresa.

Na sequência destas avaliações é emitido um Relatório que identifica as não-conformidades detetadas, e que devem ser corrigidas, e as oportunidades de melhoria sugeridas.

Em complemento ao relatório é igualmente enviado um Parecer que conclui a realização das avaliações atrás referidas e informa sobre a integração imediata no Programa ou sobre a necessidade de efetuar algumas correções, sem as quais não poderá ser possível a adesão.

Onde já foi implementado? 

Lista Restaurantes

Restauração Lista restaurantes SGV- Açores 361.67 KB
Download
Restauração Lista restaurantes SGV-Cascais 281.65 KB
Download
Restauração Lista restaurantes SGV-Coimbra 402.67 KB
Download
Restauração Lista restaurantes SGV-Viseu 287.89 KB
Download

SEJA ASSOCIADO AHRESP