Receitas Turísticas Internacionais

Receitas Turísticas Internacionais atingem os 16,6 mil milhões € (+9,6%) em 2018

Em 2018, as receitas turísticas internacionais em Portugal, que representam as Exportações do Setor do Turismo, chegaram aos 16,6 mil milhões €, representando um crescimento homólogo de +9,6%, segundo dados divulgados pelo Banco de Portugal. Se compararmos com o ano de 2011, este valor duplicou.

Por dia os turistas deixaram em Portugal, em 2018, cerca de 46 milhões de €.

Os mercados que mais contribuíram em termos de receitas turísticas foram: o Reino Unido com 2,8 mil milhões € (+8,4%), a França com 2,7 mil milhões € (+9,8%), a Espanha com 2,2 mil milhões € (+8,2%) e Alemanha com 1,9 mil milhões € (+9,8%). Estes mercados totalizaram em conjunto 9,6 mil milhões €, representando 57,8% do total das receitas turísticas em Portugal.

De salientar que o mercado do Reino Unido, apesar do decréscimo de -7,5% nas dormidas nos estabelecimentos hoteleiros, nas receitas turísticas internacionais continua a ser o mercado com maior contributo/representatividade (16,9% do total das receitas), e um crescimento de +8,4%, face a 2017. A França ocupou o 2º lugar no ranking das receitas, com um crescimento absoluto de +243,6 milhões €.

Em termos absolutos, destacam-se também a Alemanha (+168,9 milhões €), Espanha (+162,7 milhões €) e os E.U.A (+155,3 milhões €).

As despesas do turismo alcançaram os 4,7 mil milhões € (+9,6%), o que se traduziu num saldo positivo de 11,9 mil milhões €, o que representou um aumento de +9,7%, face a 2017.

Dezembro 2018

Considerando o mês de dezembro, as receitas do turismo atingiram 1,0 mil milhões € (+4,2%), o que significou um aumento de +4,2 milhões €, face ao período homólogo.

Os aumentos absolutos mais significativos pertenceram à França (+9,9 milhões €), Espanha e Alemanha, ambas com +7,4 milhões €.

A maioria dos mercados registaram evoluções positivas, com exceção do mercado angolano (-23,6%) e do Luxemburgo (-13,6%), em sentido contrário, de referir os aumentos homólogos da Irlanda (+14,8%) e da Itália (+13,5%).

As despesas do turismo alcançaram os 382,6 milhões € (+11,2%), o que se traduziu num saldo positivo de 682,3 milhões €, com um ligeiro crescimento de +0,7%, face ao período homólogo de 2017.

O valor das receitas do turismo, no mês de dezembro, continua o mais elevado dos últimos 5 anos.

Artigos Relacionados

SEJA ASSOCIADO AHRESP